Palavras dos Padres

Fede

Virtude

- Caridade

A certeza da fé em Deus não é uma confissão correta, embora seja a mãe da fé, mas uma alma que contempla a verdade de Deus com toda a força da vida.

ISAQUE O SÍRIO

A certeza da fé se revela à alma na medida da elevação que deriva do comportamento, numa atitude que tende aos mandamentos de nosso Senhor. A fé é a ala da oração. Se você confia no plano de Deus e se acredita que ele cuida de tudo o que faz, então não use a astúcia dos homens. Tudo é possível com fé, se o olhar do homem está em Deus e não nas coisas. A negligência e a preguiça privam o homem da ajuda de Deus e, consequentemente, fazem a fé do homem em Deus vacilar. Em meio da tentação, uma certa fé é adquirida, graças à longa experiência da ajuda divina. A fé precisa de uma mente pura e simples, longe de qualquer análise e de qualquer pesquisa [de meios]. Enquanto a alma não tenha atingido a emoção de fé na capacidade de Deus para sentir o seu poder, a debilidade dos sentidos não pode ser curada, você pode dominar a matéria fortemente visível que atua como uma tela para o que está dentro e não pode ser percebido. Aqueles em cujos corações a luz da fé ressuscitou não têm mais o atrevimento de orar por si mesmos.

Eles nem têm a imprudência de pedir a Deus: "Nos dê isto" ou "Livra-nos". Não há nada em si para se preocupar. Através dos olhos espirituais de sua fé, em todos os momentos, eles contemplam ... o verdadeiro Pai que, em seu incomensurável amor, ... tem o poder de nos prover de um modo superabundante, além do que pedimos, desejamos e pensamos. A fé, em tudo que é próprio a ela, opõe-se às leis do conhecimento. Esta é a definição de conhecimento; fora do exame e da pesquisa, não tem poder para fazer nada. O conhecimento define a natureza e a guarda em todos os seus aspectos; mas a fé anda mais alto que a natureza. Como? O corpo não pode andar na superfície fluida da água e quem quer que provoque o fogo queima, e é perigoso se comportar de maneira contrária a essas leis. E o conhecimento é cuidadoso em respeitá-los. Fé no entanto, comandos sobre eles e diz: "Se você andar através do fogo, você não queime e os rios não transbordar você".
(Is 43,2)

Graças a fé muitos já entraram na boca das chamas ... eles andaram no mar como em terra. Na realidade, todas essas coisas são mais elevadas que a natureza e contrárias a qualquer método de conhecimento. Não há conhecimento, não importa quão grande e rico seja, que não lhe falte alguma coisa. Quanto à fé, o céu e a terra não podiam conter seus tesouros. Aquele cujo coração é fundado na esperança da fé nunca falha. Ele não tem nada, mas ele tem tudo pela fé. Conhecimento tece o louvor do medo em todos os lugares. Mas o que a fé diz? Isto: "Ele estava com medo e começou a afundar". (Mt 14,30). E novamente: "Não tenha medo da visão deles, senão te farei temer diante deles" (Jr 1:17). O conhecimento ordena que tudo seja examinado do começo ao fim, e só então se trabalha, por medo do trabalho laboriosamente inútil. Mas o que a fé diz? "Tudo é possível para os que creem".
(Mc 9,23; 10,27).

Oh, riqueza indescritível! Quanta confiança, quanto prazer e quanta esperança existe em seu caminho. Quão leves são as cargas que carregamos! Aquele que foi feito digno de provar a doçura da fé e retornar ao conhecimento "psíquico", a quem ele se assemelha? Para quem encontrou uma pérola preciosa e troca por um pedaço de couro. O conhecimento não deve ser rejeitado. Mas a fé é superior a ela, se a rejeitarmos, não é o conhecimento que rejeitamos. O conhecimento é um grau através do qual alguém se eleva à altura da fé. A fé da qual falamos aqui não é aquela pela qual acreditamos na santa Trindade que adoramos ou na maravilhosa economia da encarnação. Aqui está o que eu chamo de fé: a luz inteligível que por meio da graça se eleva na alma e, sem deixar margem para dúvidas, confirma o coração na certeza da esperança. Tal fé não pode ser transmitida pela tradição oral, é o poder do próprio Paráclito que, graças ao poder da fé, inflama todas as partes da alma como no fogo. Ele se joga e, em sua esperança de Deus, despreza todo perigo.

Peça a Deus que lhe conceda alcançar a medida da fé. Então ore sem esperar, pergunte com lágrimas, peça ardentemente; suplica com todo seu coração até que você tenha recebido. Essas coisas vão ser dadas se, em primeiro lugar, com toda sua fé, você faz violência para confiar a Deus a sua preocupação e para substituir sua segurança com a providência de Deus. Quando se vê que, em seguida, quando será a sua vontade, em pureza de coração, você quer confiar a Deus nas coisas que lhe dizem respeito e que fez a violência com a sua alma, a fim de nele esperarei mais do que isso em você, então esse poder para ser em você desconhecido será colocar em você de sua casa, de modo você sentirá em todos os sentidos o poder daquele que trabalha em você. Mas se você se deixar levar pelo conhecimento do mundo, será mais fácil livrar-se das ligações de ferro o que dele. Nunca escape da armadilha do erro. Você nunca será livre e confiante diante de Deus. Ore com toda simplicidade, das profundezas de sua fraqueza, a fim de viver bem diante de Deus, e você viverá sem preocupações. Então, se você quer viver nas coisas de Deus, não deixe espaço para pensamentos doentios. Se todas as aflições, os problemas e os perigos o cercam e assustam você, não cuide deles, não pense neles.

Se de uma vez por todas você se confiou ao Senhor, o único que é suficiente para protegê-lo, e se você segui-lo, então não se preocupe com qualquer outra coisa. Então você verá as maravilhas de Deus agindo: como ele está próximo o tempo todo e liberta aqueles que o temem e como sua providência os cerca, embora invisíveis. A fé também requer as obras. Esperança em Deus requer o testemunho de conhecimento e isso surge do esforço para a virtude. Um homem medroso manifesta duas doenças de sua natureza: o amor do corpo e a escassez de fé. A audácia do coração e desprezo do perigo proceder de uma das duas causas: ou a dureza de coração ou uma fé profunda em Deus. Mas a primeira junta-se ao orgulho, a segunda humildade de coração.."Vigiai e orai" (Mt 26,41)

"Pedi e recebereis, procurai e encontrareis; batei e será aberto a todo aquele que pede recebe; o que busca, encontra e àquele que bate será aberto" (Mateus 7: 7-8). Bem-aventurado o inefável encorajamento daquele que nos dá e nos exorta a perguntar-lhe: "Peçam-me e eu lhes darei os meus divinos carismas". E o Senhor provê para nós, em tudo que precisamos, como ele sabe. Essas palavras nos dão coragem e confiança. Se você está faltando na virtude da perseverança, não espere obter consolo real da oração; todo trabalho é medido pela perseverança que se coloca nele. Toda atividade espiritual (oração, jejum ou vigília) sem perseverança, não produz fruto; porque então, apesar do seu esforço, é como se você tivesse apenas começado.

GIOVANNI CLIMACO

Em quanto a oração é a fé. Mas eu rezo assim, meu coração vai abandoná-lo. Fé significa firmeza da mente nunca abalada por dificuldades de qualquer tipo. Quem é dono sabe que Deus pode fazer tudo e que, se Ele acredita, Ele vai conseguir. A fé então abre a porta para a boa esperança, o ladrão demonstrou isso. Não diga que você não conseguiu o que pediu orando por muito tempo, porque você se beneficiou espiritualmente. Que benefício mais sublime pode haver estar unido ao Senhor e perseverar em união ininterrupta com Ele?

BASILIO O GRANDE

Portanto, devemos abordar as nossas perguntas com muito cuidado, de acordo com a vontade de Deus. E se não são ouvidos, devemos saber que você tem que perseverar e também insistem fortemente, de acordo com a parábola do Senhor sobre a necessidade de "orar sempre e não desanimar". (Lucas 18: 1), e de acordo com o que ele disse em outra passagem: "por causa de sua imprudência vai subir e dar-lhe tudo o que ele precisa" (Lc 11,8).

ANTONIO O GRANDE

Meus filhos, não me canso de orar ao Senhor por você, para que você possa reconhecer a graça que foi reservada para você. Deus, de fato, em sua misericórdia, torna todos vigilantes através dos meios de sua graça. Então, não fique cansado, meus filhos, e não deixar de invocar o Senhor dia e noite, a fim de induzir a bondade de Deus Pai para desfrutar de um top-ajuda e para ensinar-lhe o que você precisa fazer.

MACARIÓ O GRANDE

Quem, por causa da demora e paciência de Deus, não recebe imediatamente graça, fica ainda mais inflamado. Mas quanto mais o Senhor difere e permanece testar a fé eo amor de Sua vontade com o fervor mais ardente, incansável, intenso e incansável deve buscar o dom de Deus, ter acreditado uma vez por todas e na plena certeza que Deus não minta e é sincero, aquele que prometeu dar Sua graça àqueles que o pedem com fé e perseverança até o fim.

Pode interessar