Paixão

#

Crucificação

O tempo litúrgico da Quaresma e da Semana Santa é um convite a todo cristão a viver em profundidade o mistério do sofrimento, identificando-se com Jesus. Eis o momento crucial do caminho espiritual: aquele que compreende o valor do sofrimento vivido em união com Jesus, tem a certeza de alcançar a plena identificação com o modelo.
Conchita, o.c., pag.155

Viver a Paixão de Cristo

Os Evangelhos nasceram e se desenvolveram em torno de um núcleo fundamental, que são as histórias da Paixão de Cristo. Por exemplo, se tirassem de Marcos a história do sofrimento de Cristo Jesus, restaria pouco de seu Evangelho.

De fato, os primeiros cristãos ficaram muito impressionados pela morte de Jesus na Cruz. Não é um fato superficial que o Filho de Deus encarnado para nossa salvação seja submetido ao suplício mais atroz que o homem pudesse conceber.

Mas sobretudo porque não se pode viver o caminho da santidade se não identificar-se com este dilacerado mistério do sofrimento do Redentor, que quer nos trazer a Salvação através da Cruz.

Santo Inácio, na terceira semana dos exercícios, propõe meditar atentamente a paixão e morte de Jesus, atribuindo a cada dia alguns passos fundamentais de toda a sequência da Paixão partindo da Instituição da Eucaristia.
Retirado do Livro: "Abrirei uma estrada no deserto"

Un grito de amor

Bem-vindo! Nesta via que nos leva ao Calvário, Jesus quer falar ao seu coração: ouvi-o!
É o caminho Pascal que se desdobra na sua fase final através das etapas dolorosas e dramáticas da Paixão e da Cruz para fluir depois o silêncio do Sábado Santo, na explosão gloriosa da Páscoa.

Com relação a Ressureição

É como uma luz purificadora que rompe de maneira notória na consciência de todo cristão que se deixa submeter à emoção de um amor assim grande do Filho de Deus, que chega a doar-se todo por nós.

O poder extraordinário que tem na sua alma a meditação das várias fases da Paixão do Senhor, se manifesta na paz que se experimenta, no forte afeto que nasce, na força que te invade e na esperança nova que infunde.

Esta impressionante escuridão que envolve a criação no extremo limite da morte de Jesus, não é nada mais que um símbolo de um outro eclipse de extrema radicalidade que aparece dentro da consciência do Filho de Deus feito homem, que prova em si, a liberdade de escolha do extremo amor, o que significa o abandono total do Pai.

Não perca mais tempo

  • Se pretende reviver os seus sofrimentos para conhecer o imenso amor que Ele tem por ti.

  • Se tem um coração de carne e não de pedra.

  • Se espera que uma faísca possa acender para desencadear um incêndio incontrolável de amor no teu coração.

  • Então não espere, ouça o que sussurra o coração e comece a folhear estas estupendas páginas que foram extraídas do livro: "Abrirei uma estrada no deserto".

Um convite especial

Se desejas alcançar esta alegria e adquirir as virtudes, ouça o convite de Jesus: "tudo o que pedirdes com fé na oração, Eu atenderei" (Mt 18,20). Na verdade, sem oração, não é possível nenhum caminho espiritual, nem se pode seguir os passos de Jesus, nosso Salvador.

Se desejas corresponder o convite, ou simplesmente rezar em sua casa, clique aqui e você encontrará um grupo de oração extraordinário. Poderá também unir-se espiritualmente a muitos irmãos e irmãs espalhados pelo mundo todo, e sua vida mudará.

Se desejas receber o livreto de oração, por favor preencha o formulário e você receberá sem incorrer em qualquer despesa.

Você pode visitar o grupo de oração depois de ter lido e meditado as seguintes páginas interessantes.

Pode interessar